Voltar

Sub-15: artilheiro do penta, Victor Kawã comemora fase no Sport

Leão conquistou o quinto título consecutivo no Pernambucano após bater o Santa Cruz, por 2x1, nesta quarta-feira (24), na Ilha do Retiro

Victor Kawã conquistou o terceiro título com a camisa rubro-negra. (Foto: Anderson Freire/Sport Club do Recife)

É penta! O Sub-15 do Sport venceu o Santa Cruz por 2×1, nesta quarta-feira (24), na Ilha do Retiro, pelo jogo da volta da final do Pernambucano e conquistou o quinto título consecutivo. O artilheiro e um dos destaques da competição foi o atacante rubro-negro Victor Kawã, que marcou 11 gols. Ele comemorou bastante o troféu e destacou o empenho da equipe leonina.

“Vínhamos trabalhando desde o começo do ano. O Pernambucano é o objetivo principal da Base do Sport. É um título muito importante. Trabalhamos e conquistamos a Copa 2 de Julho, mas se não fossemos campeões do Estadual não seríamos lembrados. Eu queria terminar o ano bem, e espero começar 2019 com o pé direito”, disse o camisa 9, que tem 15 anos e está no Clube desde o ano passado.

Apesar de estar no Sport há pouco tempo, este já é o terceiro título que Kawã conquista com a camisa rubro-negra, sendo dois pernambucanos (2017 e 2018). Este ano ele também conquistou a Copa 2 de Julho, na Bahia, recebendo o troféu de destaque da competição e sendo vice-artilheiro, com cinco gols marcados. Esta competição é uma das mais importantes da categoria no Brasil.

“Está sendo uma fase muito gloriosa para mim, graças a Deus. Ano de títulos e conquistas pessoais. No Pernambucano tive o mérito de ser campeão e artilheiro e estou muito feliz”, comemorou.

HOMENAGEM

Natural de São Luís-MA, Victor Kawã dedicou o pentacampeonato aos pais, que seguem na capital maranhense torcendo por ele. “Dedico esse título para a minha mãe, Simara e para o meu pai, Abraão. Eles estão no Maranhão, sempre na torcida por mim. Sem eles eu não estaria aqui e nada disso teria acontecido”, enfatizou.

O GRUPO

Por fim, o jovem atacante exaltou o clima com os companheiros do Sub-15. Dividindo o alojamento na Ilha do Retiro, eles acabam se tornando uma família. “O Sub-15 é um grupo muito unido. É uma família. Cheguei aqui no ano passado e aqui eu fiz irmãos, que estão comigo no dia a dia. Temos uma equipe muito unida e vitoriosa”, encerrou.

publicidade
ArtilheiropernambucanoSportSub-15Victor Kawã
Compartilhar Tweetar