Voltar

Rubro-negros explicam preparação para retornar ao Brasileiro

Primeiros dias de trabalhos do Leão terão ênfase especial na parte física

“Vamos ter mais tempo e tranquilidade para trabalhar situações específicas”, disse Claudinei (Foto: Williams Aguiar/Sport Club do Recife)

Após onze dias de descanso, o foco do Sport agora está direcionado na preparação para o retorno do Campeonato Brasileiro. Serão pouco mais de três semanas de trabalhos até o jogo com o Ceará, dia 18 de julho, em Fortaleza, pela 13ª rodada da competição.

Os jogadores se reapresentaram nesta segunda-feira (25), na Ilha do Retiro, quando foram avaliados pelo fisiologista Inaldo Freire e fizeram uma atividade física leve no campo auxiliar. As próximas atividades serão realizadas no CT.

“Nas duas primeiras semanas de trabalho vamos dar uma ênfase maior às partes de força e resistência. Paralelo a isso vamos ter os trabalhos técnicos e táticos com o Claudinei”, disse o preparador físico Luis Fernando, adiantando que as atividades táticas serão ainda mais potencializadas na última semana antes do retorno do Brasileirão.

Luis comemorou também o período de recesso para a recuperação dos jogadores. “Foi muito importante. Principalmente para os atletas que vinham jogando com mais sequência. Agora é voltar com as forças renovadas para o decorrer do Brasileiro”, afirmou.

Já o técnico Claudinei Oliveira prometeu uma equipe mais forte taticamente e tecnicamente para a volta do Brasileirão. “Vamos aproveitar para trabalhar situações de jogo, tanto na parte ofensiva como defensiva, e bola parada. Quando a gente está no meio de uma competição trabalhamos duas a três coisas num mesmo treinamento. E agora não. Vamos ter mais tempo e tranquilidade para trabalhar situações específicas”, falou.

O treinador adiantou ainda que utilizará a estrutura do CT para fazer algumas concentrações. Jogos-treinos também serão marcados para dar ritmo aos jogadores. Um dos objetivos do Leão é manter a pegada que fez a equipe terminar a 12ª rodada com a sétima melhor campanha da Série A.

“Acho que agora o Sport passa a ser um pouco alvo de certa forma. Estamos num patamar que ninguém esperava no começo do campeonato. Temos que estar atentos para não estacionarmos. O que a gente conquistou agora foi com muito esforço e não podemos diminuir isso. Nem nós da comissão técnica, nem os jogadores”, concluiu Oliveira.

publicidade
Brasileirãoclaudinei oliveiraLuís FernandoPreparaçãoSport
Compartilhar Tweetar