Voltar

O desafio das Leoas de enfrentar dois “líderes” em seguida no BR

Iranduba, último confronto leonino, e Corinthians, o próximo, estão empatados na liderança, do grupo no Brasileiro

Rubro-negras contam com o “fato casa” para bater o líder Corinthians. (Foto: Anderson Freire/Sport Club do Recife)

No “grupo da morte” do Campeonato Brasileiro, as Leoas, ainda na terceira rodada, já têm outro desafio pela frente. Depois de enfrentar o Iranduba, em Manaus, e cair por 2×1, as rubro-negras jogam diante do Corinthians, equipe que divide a liderança com as amazonenses. Para a partida contra as corinthianas, nesta quarta-feira (09), às 15h, na Ilha do Retiro, o Sport quer escrever uma história diferente – conquistando os três pontos – contando também com o “fator casa”. A torcida tem entrada gratuita para acompanhar o jogo.

“O Sport não só no grupo mais competitivo, mas também com uma tabela complicada. Estremamos diante do São José, que já foi campeão da Libertadores, o segundo diante do Iranduba e terceiro contra o Corinthians. São jogos extremamente difíceis e enfrentar equipes assim o nível de concentração tem que estar elevadíssimo”, pontua o treinador leonino, Jonas Urias.

“Todo tipo de informação é estudada e analisamos bem os adversários, seus pontos fracos e inibindo os fortes. Vamos ter o máximo de cuidado e colocar nosso futebol em prática. Apesar da dificuldade, são jogos assim que deixam nossa carreira e o futebol eletrizante”, concluiu.

Autora do gol diante do Iranduba, Nycole mantém a confiança para a partida, tendo em vista que as Leoas dominaram do começo ao fim em Manaus. “O Corinthians é uma grande equipe, com atletas renomadas no cenário do futebol feminino e um grande favorito a campeão da competição. Porém vamos jogar de igual para igual, contando com a força da Ilha do Retiro”, pontuou a atacante.

Campeonato BrasileiroCorinthiansFutebol FemininoIrandubaLeoas
Compartilhar Tweetar