Voltar

Magrão se reapresenta e começa bateria de exames no CT

O arqueiro, que estava resolvendo assuntos particulares, irá passar por análises clínicas e testes físicos ao longo da semana

Fisiologista Inaldo Freire iniciou os testes com o arqueiro que se reapresentou na manhã deste sábado (Foto: Williams Aguiar/ Sport Club do Recife)

“Estou pronto para iniciar o campeonato, mas você sabe, seu Magrão é seu Magrão. Ele deve aparecer semana que vem e com ele não tem brincadeira. É trabalho”. Esta frase foi dita pelo goleiro Maílson, após coletiva concedida na manhã da última sexta-feira, na sala de entrevistas do Centro de Treinamento do Leão. O que o goleirão não esperava era que, em menos de 24 horas, o paredão rubro-negro, o “seu Magrão”, se apresentasse ao treinador Milton Cruz.

O ídolo da torcida do Leão irá passar por todos os exames costumeiros dos atletas que voltam do recesso. Na próxima semana ele irá realizar exame de imagem para que os médicos vejam como está a recuperação da fratura que o atleta sofreu na reta final do Campeonato Brasileiro do ano passado.

Magrão regressou depois de resolver assuntos particulares referentes a um dos filhos que mora fora do Brasil. O camisa número 1 se apresentou disposto e ciente da briga que vai ter com Maílson para reconquistar o posto de titular da equipe do Sport Club do Recife.

“Vi a entrevista dele de ontem (sexta). Já estava voltando quando eu vi. Foi bom que fiz uma surpresa para ele”, disse Magrão aos risos. “Passei um bom tempo parado por conta da contusão. Vou ter que correr atrás do tempo perdido. Maílson foi muito bem nas partidas que disputou e sei que não será fácil tomar essa vaga dele, mas vamos trabalhar”, disse o arqueiro.

 

Professor

 

Pelo lado de Maílson é visível a alegria em ver o ídolo de volta ao batente. “Fiquei muito contente e surpreso em vê-lo aqui hoje (sábado). Realmente pensei que ele voltasse só na próxima semana. Mais um motivo para eu trabalhar mais forte nesse começo de temporada. Seu Magrão não é um concorrente de posição. É um professor, um amigo, um orientador”, comentou. “Mas bem que ele podia voltar só daqui a uns 15 dias né?”.

 

publicidade
MagrãoReapresentaçãoSport
Compartilhar Tweetar