Voltar

Júnior Câmara cobra evolução no sistema ofensivo do Sub-23

Equipe rubro-negra empatou com o Bahia por 0x0 e ainda não marcou gols no Brasileirão de Aspirantes. Defesa está mais afinada

Júnior Câmara se mostrou satisfeito com a defesa do Sub-23 leonino, mas cobrou ao ataque. Mudanças da partida foram no setor ofensivo. (Foto: Williams Aguiar/Sport Club do Recife)

O Sport ficou no 0x0 contra o Bahia nesta segunda-feira (9), na Arena de Pernambuco, pela terceira rodada do Brasileirão de Aspirantes e segue sem marcar gols no torneio voltado para a categoria Sub-23. O técnico Júnior Câmara cobrou evolução no sistema ofensivo do time leonino, mas pontuou que se trata de uma equipe ainda sem entrosamento – já que foi montada um mês antes da competição.

“A nossa dificuldade está sendo os atletas encontrarem um padrão de jogo e uma interação que gera resultados. São jogadores que chegaram no mês passado e ainda não jogaram na fase ofensiva que eu gostaria. Defensivamente já estamos com um padrão muito bom – três jogos e apenas um gol sofrido”, disse o treinador, que durante a partida contra o time baiano fez alterações apenas no setor ofensivo.

“O ataque precisa melhorar e as mudanças que fiz no jogo foi na parte ofensiva para tentar encontrar esse padrão. Ainda nem encontramos as peças ideais para que essa interação funcione. Isso virá no dia a dia de trabalho e nos jogos. É difícil pegar atletas de locais diferentes e fazer com que se tornem uma equipe”, completou.

O Sub-23 do Leão entra em campo novamente nesta sexta-feira (13), quando enfrenta o Coritiba, às 19h, no Couto Pereira, pela quarta rodada do Brasileiro de Aspirantes.

publicidade
Brasileirão de AspirantesJúnior CâmaraSportSub-23
Compartilhar Tweetar