Voltar

Atacante do Sport é eleito craque da Copa 2 de Julho Sub-15

Victor Kawã foi vice-artilheiro do torneio, com cinco gols. Leão conquistou título inédito nesta quarta-feira (11)

Victor Kawã dedicou o título a sua mãe, Simara. (Foto: João Ubaldo/Ascom-Sudesb)

O Sub-15 do Sport conquistou nesta quarta-feira (11) o título inédito da Copa 2 de Julho, um dos mais importantes torneios da categoria no país – que conta com equipes do Brasil e do exterior. Mas não foi apenas esta taça que o Rubro-negro Pernambucano trouxe para a Ilha do Retiro. O atacante Victor Kawã recebeu o troféu de craque da competição e, além disso, foi o vice-artilheiro –com cinco gols marcados.

Aos 15 anos, o garoto se mostrou emocionado com o reconhecimento e descreve como “inesquecível” a experiência ser o melhor da Copa e voltar para o Recife o faixa de campeão. “A sensação é muito boa, estou muito feliz por ter sido craque da décima edição da Copa. Foi uma experiência inesquecível na minha vida e não tenho muitas palavras para descrever esse momento. Sou grato a Deus e a todos que me ajudaram, incluindo a comissão (técnica) do Sub-15. Foi um fato inesperado ser craque e campeão ao mesmo tempo e estou muito contente mesmo”, disse o atacante, que é natural de São Luís, no Maranhão.

Victor chegou ao Sport em maio do ano passado e vem trabalhando com o técnico Rafael Santiago desde então. Ele elogiou o treinador e agradeceu por todo o apoio dado por Santiago em seus primeiros passos no futebol. “Não tenho como falar do professor Rafael. Foi o melhor treinador que eu já trabalhei e sou muito grato a ele por ter me dado a oportunidade de defender esta camisa de peso do Sport. Ele me ajudou técnica e taticamente, dando conselhos, dando bronca… Também devo muito a ele”, enfatizou.

TE AMO, MÃE!

Victor Kawã não pensou muito na hora de dedicar a conquista dupla na Copa 2 de Julho. A homenagem foi para sua mãe, Simara, que sempre o incentivou. “Dedico esse título a minha mãe, que sempre me apoiou nos momentos bons e ruins. Ela sempre me deu forças e nunca deixou de me apoiar. Dedico essa conquista a minha mãe, Simara, que tanto amo”, destacou o jovem atleta.

publicidade
Copa 2 de JulhoCraqueSportSub-15Victor Kawã
Compartilhar Tweetar